Conheça um ótimo exemplo de relação entre pais e filhos modelos

Ser modelo é o sonho de muitas meninas e meninos. No entanto, essa carreira nem sempre é fácil. Muitas vezes, os profissionais precisam ficar longe da família e conviver com pessoas diferentes. Além disso, é fundamental que mantenham um cuidado especial com o corpo.

Por isso, uma boa relação entre pais e filhos é essencial para garantir uma carreira de sucesso. Como o modelo costuma começar a trabalhar cedo, muitas vezes ele não tem maturidade e nem responsabilidade o suficiente.

A família tem um papel muito importante nessa formação do profissional. É ela que ajudará a criança ou o jovem a entender todas as mudanças que estão ocorrendo em sua vida, além, é claro, de ser a grande incentivadora da carreira.

O pai de Gisele Bündchen, por exemplo, foi um dos principais responsáveis por fazer com que a supermodelo se tornasse essa profissional reconhecida no mundo todo. Se você quer saber mais sobre essa história incrível, continue lendo este post!

Conheça Valdir Bündchen, pai de Gisele

Que Gisele Bündchen é linda ninguém duvida. A modelo possui todos os atributos físicos necessários para quem deseja seguir uma carreira de sucesso.

No entanto, a sua aparência não foi a única responsável por ela ter se tornado uma das mulheres mais poderosas do mundo. Gisele considera o seu pai — Valdir Bündchen — o seu principal mentor.

Desde que saiu da pequena Horizontina, aos 14 anos, Gisele sempre recebeu conselhos de Valdir. O pai acompanhou a carreira da filha de perto e foi um dos encarregados de fazer com que a modelo tivesse tanto sucesso.

Segundo ele, a família sempre ajudou Gisele a acreditar em si mesma e a valorizar a sua singularidade. Em entrevista ao site da VEJA, ele afirmou que a modelo “focou nas características dela, no que sabia fazer de melhor. E fez”.

Valdir disse que um dos fatores que fez Gisele acreditar em si mesma foi o ambiente amoroso onde ela foi criada. Para ele, o amor, o equilíbrio e a segurança que a família proporciona são essenciais para a segurança pessoal das pessoas.

Além disso, Valdir sempre incentivou a filha a buscar habilidades que a diferenciasse das demais. Ele ainda deu um conselho aos pais de modelos: façam com que os seus filhos desenvolvam atributos para potencializar o talento já existente.

Saiba como ajudar o seu filho modelo

A primeira lição que podemos tirar da relação entre Valdir e Gisele é que para ser um profissional de sucesso, o modelo precisa acreditar em si. Nesse sentido, a família tem um papel essencial.

É preciso incentivar o seu filho, encorajá-lo e ainda fazê-lo enxergar habilidades que ele mesmo não sabia que possuía. Investir em uma relação de confiança é o primeiro passo para ajudar o seu pequeno talento a deslanchar.

Lembre-se de que isso não quer dizer que os pais precisam ser superprotetores! É importante acompanhar a carreira do filho com equilíbrio e segurança.

Esperamos que vocês tenham gostado do nosso artigo sobre a relação entre pais e filhos modelos. Assine a nossa newsletter e receba outras histórias como a de Gisele e Valdir!

4 comentários

  1. Fernanda 22 fevereiro, 2017 at 11:24 Responder

    Minha filha quer ser modelo
    Fernanda briao
    H 1.78
    Peso 54
    Manda 36
    Cabelo castanho
    Olho azul
    Pe 38
    Atividades físicas corrida e funcional
    Inglês fluente

  2. Iara hipólito 4 março, 2017 at 15:22 Responder

    Olá qr ser modelo tenho 20 anos peso 57 pé 36 roupas 36 ou 38 depende da roupa bom se me der uma oportunidade mandarei fotos obrigada

Deixe um comentário