O diálogo entre pais e filhos: o que fazer para termos segurança nos projetos para o futuro?

Dez entre dez especialistas recomendam o diálogo entre pais e filhos como a melhor estratégia para construir um relacionamento de harmonia e respeito entre as partes.

A recomendação vale principalmente para a adolescência, período em que os problemas de relacionamento costumam ser criados pela ausência de uma boa conversa em casa.

Respeitar as transições na vida dos filhos evita conflitos

Os pais são peças fundamentais para ajudar os filhos a traçarem um caminho seguro e promissor para o futuro. O filho ou filha adolescente é um ser em transição do filho ideal que os pais pensaram para o filho real que ele é.

Como nem sempre as transições são tranquilas, surgem os conflitos e os enfrentamentos. Considerando a vivência que têm, os pais devem encarar a situação com serenidade para que a turbulência passe sem maiores danos.

Acredite, o diálogo entre pais e filhos é fundamental

Para os pais construírem uma relação de amizade e afeto com os filhos, é preciso que demonstrem interesse em saber dos anseios e dos sonhos da garotada. Desde as questões mais simples até as mais complicadas.

Esse interesse estabelecerá um pacto de confiança, possibilitando uma abertura maior para os diálogos e quebrando as barreiras que possam existir entre os interlocutores.

Porém, isso só dará certo se os pais souberem ouvir sem fazer críticas e aceitar os pontos de vista dos filhos, mesmo que discordem.

Investir na felicidade dos filhos é o melhor negócio

As transformações dos filhos ocorrem mais por parte deles do que por influência externa. Não é uma boa opção acreditar que tudo ficaria como estava caso não acontecesse a interferência.

A construção dos filhos como seres humanos, das suas identidades e autonomias passa pelo desenvolvimento de diversos interesses, gostos e hábitos.

Um “futuro médico renomado” tem demonstrado predileção pelo design gráfico? Uma “futura brilhante advogada e até juíza” procura informações sobre a carreira de modelo? Os pais devem se preocupar mais com a felicidade do que com o sucesso dos filhos.

Pais que são bons exemplos são bons amigos

A vida atualmente é acelerada. As pessoas mudam rapidamente. Os filhos não fogem à regra.

As mudanças pelas quais passarão podem ser menos difíceis se os pais se mostrarem como bons exemplos para que eles sejam corretos em suas atitudes — como bons amigos, em que eles possam se apoiar nos momentos e decisões difíceis ou como interlocutores seguros, para conversarem sobre o futuro deles e seus projetos.

Ajuda profissional facilita os projetos para o futuro

Sobre os projetos e o futuro dos filhos, muitos caminhos surgirão. Para auxiliar os pais a orientarem seus filhos na realização dos seus desejos, existe sempre uma boa sugestão de empresas e de bons profissionais.

Pesquise, informe-se sobre o tempo de mercado da organização e sobre os profissionais que estão capacitados a oferecer dicas, informações sobre escolhas de carreiras, alimentação e diversos outros temas que facilitam o diálogo entre pais e filhos a fortalecem os laços de amizade e afeto.

Gostou do nosso artigo? Ele contribui para o bom relacionamento entre você e seus filhos? Quer saber mais sobre esse e outros assuntos? Siga os perfis da Dilson Stein New Models no Facebook e no Instagram.

Deixe um comentário