Passo a passo: como tirar o Drt de modelo

Passo a passo: como tirar o DRT de modelo?

O mundo da moda oferece deslumbrantes oportunidades a jovens que queiram se profissionalizar nesse universo. A visibilidade, o glamour e os ganhos financeiros atraem um grande número de pessoas interessadas nessa profissão. Para isso, tirar o DRT se torna parte essencial do processo, a fim de evitar problemas legais e sair na frente.

Ainda que o exercício artístico seja livre perante a lei, a contratação de profissionais por empresas deve acontecer dentro de certos parâmetros. Por isso, com o registro junto à Delegacia Regional do Trabalho (DRT) você se adianta perante aos concorrentes e garante seus direitos como profissional.

Se você tem considerado a possibilidade de seguir essa carreira, continue lendo o texto e aprenda, passo a passo, como tirar o DRT.

1. Confira a documentação necessária

Para tirar o DRT de modelo, você terá que preparar uma série de documentos para serem levados até o Sindicato de Modelos e Ministério do Trabalho. Por ser um processo complexo e um pouco burocrático, nem sempre é aconselhável resolvê-lo sozinho.

A lista de documentos exige comprovação de atuação como modelo, cursos realizados e documentos pessoais diversos.

Confira:

  • Carteira de Trabalho (original);
  • CPF (cópia);
  • RG (cópia);
  • Comprovante de Endereço (cópia);
  • Trabalhos publicados comprovados;
  • Certificado de capacitação técnica (emitido pelo sindicato);
  • Requerimento preenchido e assinado;
  • Certificado de curso de modelo com carga horária mínima de 100/horas aula;
  • Declaração ou carta da agência de modelos credenciada.

2. Conte com a ajuda de uma empresa especializada

Como deve ter percebido, não é um processo tão simples se registar por conta própria junto ao Sindicato de Modelos e Ministério do Trabalho. Por isso, muitos modelos procuram empresas especializadas na descoberta de talentos para auxiliá-los com a papelada e facilitar esse processo.

Nesses locais, você e sua família, recebem todas as informações sobre como funciona a profissão e quais as melhores formas de se preparar para obter sucesso nesse meio.

Além disso, essas empresas possuem contatos importantes que podem impulsionar quem busca destaque e crescimento nessa profissão. Algumas dessas organizações descobriram grandes nomes da moda, como Gisele Bündchen e Alessandra Ambrósio.

3. Considere a necessidade de investir para tirar o DRT de modelo

Uma questão que você não pode desconsiderar é o fato de que terá que investir em cursos ou até mesmo pagamento de taxas para poder se vincular ao Sindicato de Modelos e Ministério do Trabalho e assim obter sua DRT.

Além dos documentos citados no início do texto, existem duas taxas que são cobradas para quem quer tirar o DRT. Uma é paga ao Ministério do Trabalho no momento da filiação e outra é uma anuidade paga ao sindicato, ambas no valor de um salário mínimo.

Lembre-se que, estando em contato com uma empresa especializada, você encontrará o direcionamento necessário para fazer esse investimento, evitando o desperdício de tempo, energia ou até mesmo dinheiro com possíveis equívocos que possam ocorrer.

Se você gostou do post ou ainda tem alguma dúvida sobre como tirar o DRT, deixe o seu comentário. Será um prazer ajudar você a fazer parte desse maravilhoso universo profissional!

8 comentários

  1. Lorraynne soares 3 setembro, 2017 at 16:02 Responder

    Meu sonho. Se Deus quiser irei tirar a minha DRT!! Quero muito passar no weekend em outubro . E eu vou conseguir , eu sei que vou!

  2. Horrana Quetile 5 setembro, 2017 at 11:47 Responder

    Esse passo a passo correspondeu as minhas expectativas, tirou todas as dúvidas, quero conseguir o DRT, vou investir em cursos, meu sonho é ser uma modelo profissional.

  3. Keuli Jennifer Pereira 25 novembro, 2017 at 13:34 Responder

    Meu sonho é poder participar de vários desfiles até hoje em dia só participar de 5 mais o que eu queria era do Dilson Stein….

Deixe um comentário