Como lidar com uma criança tímida?

Não é incomum ver uma criança se calar diante de uma pessoa que não faz parte de seu círculo de convivência ou até mesmo que não se enturme muito bem com outros pequenos da mesma idade.

Apesar de ser algo comum, esse comportamento costuma preocupar os pais, que não sabem como incentivar os filhos da melhor maneira, principalmente se esses filhos estão em busca de trabalhos como modelo.

Por isso, se você tem uma criança tímida em casa e quer ajudá-la, confira as dicas deste post!

Não imponha um comportamento ideal

Mesmo com boas intenções, os pais querem mostrar para a criança o que seria considerado um comportamento ideal e isso faz com que ela comece a se enxergar como inadequada.

Evite ao máximo fazer comparações do tipo “seu irmão faz isso, você deveria fazer também” ou “olha como sua prima é esperta e desinibida”. Lembre-se que, por meio de um auxílio sutil, você poderá, aos poucos, tornar seu filho mais confiante.

Respeite o espaço da criança tímida

Também não é uma boa ideia usar as situações em que a criança está tendo uma “crise de timidez” para incentivá-la a ser de outro jeito. Isso vai deixá-la ainda mais travada e constrangida, repetindo o comportamento sempre que sentir-se desconfortável.

Respeite o espaço da criança e lembre-se que a timidez pode ser um traço de sua personalidade. Não force nenhuma situação e não obrigue-a a fazer coisas por educação, como ir no colo de pessoas com quem ela não está habituada.

Permita que ela interaja com o mundo

A timidez na infância pode ter vários causadores, mas um dos motivos mais comuns é a falta de interação com outras pessoas e até mesmo com crianças da mesma idade. Por isso é tão recomendado colocar os filhos em uma escolinha assim que possível.

Caso, por algum motivo, essa ainda não seja a melhor opção para você, procure levar a criança a lugares onde ela possa brincar com outros pequenos e interagir com pessoas que não fazem parte do dia a dia dela, como tios, tias e primos.

Estimule a autoconfiança da criança

A timidez está muitas vezes ligada à autocrítica e a falta de confiança em si mesmo, já que pode-se experimentar algumas “derrotas” logo nos primeiros anos de vida. Quando seu filho ou filha não se sair bem em uma atividade evite julgar isso como um problema. Incentive-o a tentar de novo ou apresente práticas diferentes.

Também é uma ótima ideia pedir ajuda com pequenas tarefas do dia a dia. Mostre para a criança que ela é capaz de ajudar e sair-se bem. Com isso, a autoestima é valorizada e a criança passa a confiar cada vez mais nela mesma.

Procure ajuda especializada se necessário

Caso você perceba que a criança está apresentando um comportamento anormal em relação à timidez, como não interagir com os próprios pais, não querer sair de casa ou não aceitar contato com outras crianças, é imprescindível que você procure por ajuda especializada.

Para muitas pessoas esse assunto ainda é um tabu, principalmente quando os responsáveis pela criança consideram a ajuda médica desnecessária. Timidez excessiva pode atrapalhar a vida dos pequenos futuramente e pode ser causada por uma série de fatores que nem sempre uma pessoa sem olhar treinado consegue identificar.

Se você tem uma criança tímida em casa, não se preocupe. Os pequenos passam por várias fases e essa é bem comum. Com paciência e seguindo essas dicas, você, com certeza, contornará a situação.

E as crianças que querem seguir a carreira de modelo? Nós também ajudamos com esse assunto! Descubra como encaminhar a carreira do seu filho.

Deixe um comentário