Modelo iniciante: 4 dicas para aplicar ainda na infância

Há crianças que sonham, desde cedo, em atuar na TV ou desfilar nas passarelas. São jovens que passam a infância desejando viver perto dos holofotes, das câmeras e de toda a magia que essas atividades proporcionam. Porém, ser um modelo iniciante é algo que pode gerar diversas dúvidas, seja para o próprio pequeno ou para os seus pais.

E se você já notou que o seu filho carrega esse desejo, é hora de entender mais sobre esse universo e incentivá-lo a realizar esse sonho. Nessa fase, o papel dos pais é de extrema importância, já que a criança terá mais segurança, acolhimento e compreensão na sua carreira mirim. Mas afinal, por onde começar esse processo e evitar cair em ciladas?

O primeiro conselho é saber que este é um trabalho cansativo — e exigirá bastante paciência e dedicação. Depois, vale conferir as dicas que selecionamos abaixo e acabar com todas as dúvidas. Acompanhe a leitura e saiba como cuidar do seu bem mais precioso nessa nova fase!

1. Monte um álbum de fotos de qualidade

Para ficar conhecido no mercado da moda infantil, seu filho precisará ter um belo álbum de fotos. É por meio desse material que as agências e marcas conseguirão notar a criança e, posteriormente, convidá-la para realizar um trabalho.

Mas tenha muita calma, viu? Em um primeiro momento, não há a necessidade de montar um book fotográfico profissional — e gastar rios de dinheiro com isso. No início, você pode tirar algumas fotos espontâneas do seu pequeno em casa, no parque ou em qualquer outro local de sua preferência.

O book impresso, ou seja, aquele com um ar mais técnico, deve ser realizado somente depois que a criança já esteja sendo agenciada e com as devidas orientações para produzir a foto adequada.

2. Não obrigue a criança a fazer o que não quer

Outro ponto importantíssimo que deve ser considerado pelos pais de um modelo iniciante é que a criança não pode encarar essa atividade como um trabalho — ainda que vocês estejam recebendo por isso.

Para os mais jovens, desfilar em uma passarela ou posar para as fotos é pura diversão e, portanto, deve acontecer somente quando eles estiverem dispostos. Percebeu que o seu filho está incomodado, irritado ou descontente? Então, pense duas antes de forçá-lo a qualquer tipo de situação.

Dica: antes de ser modelo, o pequeno é apenas uma criança que não deve ser privada de seus direitos. Durante as sessões de fotos ou testes, faça pequenas pausas para descanso, lanchinhos e brincadeiras.

3. Prepare o seu filho para os “nãos”

Em toda área, os profissionais estão sujeitos a receber muitos “nãos” ao longo da carreira. No entanto, isso não significa que o seu filho não seja talentoso ou bonito o suficiente, mas, sim, que cada marca tem suas exigências para determinados trabalhos.

Mas é claro que, para uma criança, ouvir um “não” pode ser um tanto desagradável, correto? E para evitar que ela fique angustiada, frustrada ou com vontade de desistir, procure conversar com ela e prepará-la para esses imprevistos.

É fundamental investir na autoestima da criança e manter a saúde psicológica pronta para encarar as possíveis rejeições. Ainda vale lembrar que é responsabilidade dos pais prestar suporte emocional para que o modelo iniciante não fique traumatizado ou se sentindo desamparado.

4. Encontre uma agência responsável

No Brasil, existe uma infinidade de agências de modelos, tanto para adultos quanto para crianças. Ao ser agenciado, seu filho terá uma empresa responsável por fazer o intermédio com as agências publicitárias, produtoras ou marcas que estejam em busca de novos modelos.

Contudo, nem todas as empresas são sérias. Algumas cobram taxas de cadastro e divulgação, fazem promessas milagrosas e, inclusive, sugerem que os pais realizem testes virtuais com os filhos.

Não caia nessa! Agências reconhecidas no ramo trabalham com profissionais qualificados, não cobram valores surreais e vivem apenas de comissões de acordo com o trabalho realizado pelo modelo, que pode chegar até 30% do pagamento total.

E então, gostou de saber mais sobre os cuidados que devem ser tomados com um modelo iniciante? Aproveite para descobrir como encaminhar a carreira de modelo do seu filho!

Deixe um comentário